sexta-feira, 13 de maio de 2011

Buscas

Nestas buscas infinitas, nestes caminhos tão tempestuosos, agradeço a mim mesma por ter encontrado você. É impossível explicar, e mesmo que pudesse ser esclarecido, ninguém entenderia. O fato de estarmos juntos, e o sabor do amor que agora vive em minha vida, é grandemente prazeroso. A escuridão se iluminou tão claramente que ofusca os olhos de muitas pessoas, mas ao invés de cegá-las, apenas faz com que elas percebam o que realmente é, amar alguém.
Não está nas buscas por carinho pessoal, ou exibicionismo. Está em cada toque de mão, em cada surpresa inesperada, em cada ajuda que torna sua vida melhor. Não, o amor não é um apoio. É sua inspiração, é algo que você sabe que vale a pena viver e lutar. 
Aqueles ventos violentos que tão cedo invadiram meu coração, não existem mais. Aquelas lágrimas perdidas em meu rosto estão agora, esquecidas no chão. Tudo que há, tudo que existe eu tento fazer o melhor. Mas saber que existe alguém, que está comigo em todas as situações é infinitamente maravilhoso.


B.S, II

Nenhum comentário:

Postar um comentário